Musica Italiana

Uno per tutte

( Canta: Emilio Pericoli )
( Autores: Mogol - T. Renis- A. Testa - 1963 )

Original em italiano Tradução

Sei quasi fatta per me,
dipinta per me, Claudia.
Però confesso che tu
mi piaci di più, Nadia.

Di tutte, tutto mi va,
u-ulla-lallà, sempre.
Non so decidermi mai,
mi trovo perciò nei guai.

Vi penso e vedo cieli senza nuvole
e mille mandolini mi accarezzano,
poi apro gli occhi e allor mi accorgo che
non c'è, non c'è nessuna accanto a me.

Innamorato di te,
desidero te, Laura.
Non sono bello però
che colpa ne ho, Giulia.

Ho sulla bocca per voi,
u-ulla-lallà, baci.
Ed io li dedico a chi
per prima dirà di sì.

Ho sulla bocca per voi,
u-ulla-lallà, baci.
Ed io li dedico a chi
per prima dirà di sì.

Ed io li dedico a chi
per prima dirà di sì!


Você é quase feita pra mim,
pintada pra mim, Claudia.
Porem confesso que de você
eu gosto mais, Nadia.

De todas, gosto de tudo,
u-ulla-lallà, sempre.
Não sei decidir-me nunca,
por isso estou em sarilhos.

Vos penso e vejo céus sem nuvens
e mil bandolins me acariciam,
depois abro os olhos e então reparo que
não há, não há nenhuma perto de mim.

Apaixonado por você,
desejo você, Laura.
Não sou bonito porem
que culpa eu tenho, Julia.

Tenho na boca pra vocês,
u-ulla-lallà, beijos.
E eu os dedico a quem
primeira me dirá sim.

Tenho na boca pra vocês,
u-ulla-lallà, beijos.
E eu os dedico a quem
primeira me dirá sim.

E eu os dedico a quem
primeira me dirá sim!