Musica Italiana

Una marcia in fa

( Canta: Claudio Villa & Gino Latilla )
( Autores: V. Mascheroni - M. Panzeri - 1959 )

Original em italiano Tradução

Se questo amor i nostri cuor
fa sempre palpitar,
i nostri cuor, i nostri amor
vogliamo festeggiar.
Ma, per ridere e scherzar,
noi dobbiamo improvvisar:

Una marcia in fa, una marcia in fa,
una marcia in fa maggior,
una marcia per favor,
per la figlia dell'amor.
Chi la canterà, chi la suonerà,
sarà socio fondator,
e il diploma avrà della società,
degli "Amici dell'Amor".

Su, su, su cantiamo in cor,
con potente ardor.
Una marcia in fa, una marcia in fa,
una marcia in fa maggior,
una marcia per favor
per la figlia dell'amor

Nessuno può, e non convien,
un cuore incatenar.
L'amore va, l'amore vien
e tutto può cambiar.
Ma, la marcia dell'amor,
noi avremo sempre in cuor.

Una marcia in fa, una marcia in fa,
una marcia in fa maggior,
una marcia per favor,
per la figlia dell'amor.
Chi la canterà, chi la suonerà,
sarà socio fondator,
e il diploma avrà della società,
degli "Amici dell'Amor".

Su, su, su cantiamo in cor,
con potente ardor.
Una marcia in fa, una marcia in fa,
una marcia in fa maggior,
una marcia per favor
per Sanremo e per i fior.

Suona la marcia in fa!


Se este amor os nossos corações
faz sempre pulsar,
os nossos corações, os nossos amores
queremos festejar.
Mas, para rir e brincar,
nós temos que improvisar:

Una marcha em fá, uma marcha em fá,
uma marcha em fá maior,
uma marcha por favor,
pela filha do amor.
Quem a cantará, quem a tocará,
será sócio fundador,
e o diploma terá da sociedade,
dos "Amigos do Amor".

Vamos, vamos, vamos cantamos em coro,
com poderoso ardor.
Uma marcha em fá, uma marcha em fá,
uma marcha em fá maior,
uma marcha por favor,
pela filha do amor.

Ninguém pode, e não convém,
um coração acorrentar.
O amor vai, o amor vem
e tudo pode mudar.
Mas, a marcha do amor,
nós teremos sempre no coração.

Una marcha em fá, uma marcha em fá,
uma marcha em fá maior,
uma marcha por favor,
pela filha do amor.
Quem a cantará, quem a tocará,
será sócio fundador,
e o diploma terá da sociedade,
dos "Amigos do Amor".

Vamos, vamos, vamos cantamos em coro,
com poderoso ardor.
Uma marcha em fá, uma marcha em fá,
uma marcha em fá maior,
uma marcha por favor,
por Sanremo e para as flores.

Soa a marcha em fá!