Musica Italiana

Spazzacamino

( Canta: Claudio Villa )
( Autores: Cherubini - Rusconi - 1929 )

Original em italiano Tradução

Quando in ogni paesello
l'inverno viene
e la neve il suo mantello
vi distende pian piano.

Abbracciando il mio fardello
di cenci e pene,
sospirando un ritornello,
me ne vado lontan.

Come rondine vò,
senza un nido né raggio di sol,
per ignoto destino,
il mio nome è lo spazzacamino.

Della mamma non ho
la carezza più tenera e lieve,
i suoi baci non so,
la mia mamma è soltanto la neve.

È Natale, non badare
spazzacamino,
ogni bimbo ha un focolare
e un balocco vicino.

Io m'accosto per giocare
quando un bambino
mi dà un urto: "Non toccare,
va a spazzare il camin".

Tu mi scacci lo so
perché il volto più bianco non ho,
ma lo spazzacamino
tiene un cuor come ogni altro bambino.

Se possiedi il tesor di un lettuccio
ben soffice e lieve,
io mi sento un signor
quando sogno in un letto di neve.

Ed è questo il destin
di noi poveri spazzacamin!


Quando em cada cidade
o inverno chega
e a neve o seu manto
distende pouco a pouco.

Abraçando a minha trouxa
de trapos e penas,
suspirando um refrão,
eu vou para longe.

Como andorinha ando,
sem um ninho nem raio de sol,
para ignoto destino,
o meu nome é limpa-chaminé.

Da mamãe não tenho
a caricia mais tenra e leve,
os seus beijos não conheço,
a minha mãe é somente a neve.

É Natal, não repare
limpa-chaminé,
cada menino tem um lar
e um brinquedo por perto.

Eu me aproximo para brincar
quando um menino
me da um empurrão: "Não toca,
vai limpar a chaminé".

Tu me enxotas eu sei
porque não tenho mais o rosto branco,
mas o limpa-chaminé
tem um coração como qualquer menino.

Se possuis o tesouro de uma caminha
bem macia e leve,
eu me sinto um senhor
quando sonho numa cama de neve.

E é este o destino
de nós pobres limpa-chaminé!