Musica Italiana

Serenata serena

( Canta: Franco Ricci )
( Autores: Bonagura - Falcocchio - 1947 )

Original em italiano Tradução

Un poco per davvero, un pò per gioco,
torniamo al sogno del balcone antico.
Con un suonare fioco, fioco, fioco,
ci assiste il mandolino che ci è amico.

Ah, ah, ah, la luna guarda e sa.
Serenata serena si' come serena è la sera,
chi giurava "Si, sono sincera",
sincera non era.

Non m'attende, non risponde,
non mi tende le sue braccia.
Si pretende, si nasconde,
non discende, non s'affaccia.

Serenata serena si' come serena e la sera,
tu, sincera, canora, leggera,
carezza il mio cuore
che amato non è.

Chi mi voleva bene e me l'ha detto,
chi m'ha donato il bacio più scarlatto,
ha tinto più di un viso di rossetto
dimenticando il male che m'ha fatto.

Ah, ah, ah, la donna questo fa.
Serenata serena si' come serena è la sera,
chi giurava "Si, sono sincera",
sincera non era.

Non m'attende, non risponde,
non mi tende le sue braccia.
Si pretende, si nasconde,
non discende, non s'affaccia.

Serenata serena si' come serena e la sera,
tu, sincera, canora, leggera,
carezza il mio cuore
che amato non è.

Ah ah ah ah, ah, ah, ah
l'amavo tanto!

Non s'affaccia!

Serenata serena se amore ha sbarrato la porta,
se non vuole ascoltare il concerto,
che importa, l'avverto,
io canto per me!


Um pouco de verdade, um pouco por brincadeira,
voltamos ao sonho do balcão antigo.
Com um som fraco, fraco, fraco,
nos assiste o bandolim que nos é amigo.

Ah, ah, ah, a lua olha e sabe.
Serenata serena assim como serena é a noite,
quem jurava "Sim, sou sincera",
sincera não era.

Não me recebe, não responde,
não me tende os seus braços.
Se faz desejar, se esconde,
não desce, não se debruça.

Serenata serena assim como serena é a noite,
tu, sincera, canora, leve,
acaricia o meu coração
que amado não é.

Quem me queria bem e me o disse,
quem me doou o beijo mais escarlate,
tingiu mais de um rosto de batom
esquecendo o mal que me fez.

Ah, ah, ah, a mulher isto faz.
Serenata serena assim como serena é a noite,
quem jurava "Sim, sou sincera",
sincera não era.

Não me recebe, não responde,
não me tende os seus braços.
Se faz desejar, se esconde,
não desce, não se debruça.

Serenata serena assim como serena é a noite,
tu, sincera, canora, leve,
acaricia o meu coração
que amado não é.

Ah ah ah ah, ah, ah, ah
a amava tanto!

Não se debruça!

Serenata serena se amor trancou a porta,
se não quer escutar o concerto,
o que importa, a aviso,
eu canto pra mim!