Musica Italiana

Quanno nascette Ninno

( Canta: N.C.C.P. - Nuova Compagnia di Canto popular )
( Autor: S. Alfonso Maria de Liguori - 1743 )

Pastoral de Natal composta em 1743 pelo bispo napolitano S. Alfonso Maria de' Liguori
que, no ano seguinte, a re-elaborou transformando-a na famosa "Tu scendi dalle Stelle"

Original em dialeto napolitano Tradução

Quanno nascette Ninno a Betlemme,
era notte e parea miezojuorno.
Era notte e parea miezojuorno.

Maje le stelle, lustre e belle,
se vedèttero accussí, e 'a cchiù lucente,
jette a chiammá li Magge a ll'Uriente.

E 'a cchiù lucente,
jette a chiammá li Magge a ll'Uriente.

Non v'erano nemice pe' la terra,
la pecora pasceva co' 'o lione.
La pecora pasceva co' 'o lione.

Co''o crapetto se vedette 'o liupardo a pazzeá
Ll'urzo e 'o vetiello
e, co' lo lupo, 'mpace 'o pecoriello.

Ll'urzo e 'o vetiello
e, co' lo lupo, 'mpace 'o pecoriello.


Quando nasceu o Menino em Belém,
 era noite e parecia meio dia.
 Era note e parecia meio dia.

 Nunca as estrelas, luzentes e belas,
 se viram assim,  e a mais luzente,
 foi chamar os Reis Magos no Oriente.

 E a mais luzente,
 foi chamar os Reis Magos no Oriente.
 
 Não haviam inimigos na terra,
 a ovelha pastava com o leão.
 A ovelha pastava com o leão.

 Com o cabrito se viu o leopardo a brincar.
 O urso e o bezerro
 e, com o lobo, em paz o cordeiro.

 O urso e o bezerro
 e, com o lobo, em paz o cordeiro.