Musica Italiana

Piscatore 'e Pusilleco

( Canta: O Tenor Andrea Bocelli )
( Autores: Murolo - Tagliaferri - 1925 )

Original em dialeto napolitano Tradução

Piscatore 'e stu mare 'e Pusilleco
ch'ogne notte mme siente 'e cantá,
piscató, sti pparole só lacreme
pe' Maria ca luntana mme sta!

Dorme 'o mare...Voca, voca.
Tutt'è pace attuorno a me.
Ma pecché,
ma pecché mm'hê lassato,
mentr'io moro, stanotte, pe' te!

Casarella d' 'o Capo 'e Pusilleco
spónta 'a luna e te vène a vasá,
quanta notte aggio perzo guardánnote,
quanta juorne aggio visto schiará!

Dorme 'o mare...Voca, voca.
Tutt'è pace attuorno a me.
Ma pecché,
ma pecché mm'hê lassato,
mentr'io moro, stanotte, pe' te!

Zitto oje core, ca 'nterra 'e Pusilleco,
veco n'ombra ca segno mme fa,
na manélla e na voce mme chiámmano,
fra sti bbracce Maria vò' turná!

Dorme 'o mare...Oje bella viene!
'Ncielo 'a luna saglie e va.
Vita mia!
Vita mia mme vuó bene?
Ca si è suonno nun farme scetá.

Dorme 'o mare...Voca, voca....


Pescador deste mar de Posillipo
que cada noite me ouve cantar,
pescador, estas palavras são lágrimas
para Maria que está longe de mim!

Dorme o mar... Rema, rema.
Tudo é paz em volta de mim.
Mas porquê,
mas porquê me deixaste,
enquanto eu morro, esta noite, por ti!

Casinha do Cabo de Posillipo
nasce a lua e te vem beijar,
quantas noites eu perdi te olhando,
quantos dias eu vi nascer!

Dorme o mar... Rema, rema.
Tudo é paz em volta de mim.
Mas porquê,
mas porquê me deixaste,
enquanto eu morro, esta noite, por ti!

Quieto meu coração, que na terra de Posillipo,
vejo uma sombra que me faz um sinal,
uma mãozinha e uma voz me chamam,
entre esses braços Maria quer voltar!

Dorme o mar... Oh minha bela vem!
No céu a lua sobe e vai.
Vida minha!
Vida minha me quer bem?
Mas se for um sonho não deixe eu acordar.

Dorme o mar... Rema, rema....