Musica Italiana

Passione amara

( Canta: Claudio Villa )
( Autores: G. Marotta - G. Rossetti - 1956 )

Original em dialeto napolitano Tradução

Tremma na luce luntana,
mo juorno se fà.
Lenta na voce 'e campana
me vene a chiammà.

Scetate e suoffre, me dice,
nun si chiù felice, fa mpresso 'a patì.
Chella ca suonne tu
nun te vo bbene chiù.

Sole, sole nun te voglio vedè,
chiagne mare, chiagne nzieme cu mme.
Bella, pe te nce vo n'ommo perduto,
nun c'è suspiro ca te po accattà.

Oi core, core spezzato,
l'ammore già t'ha lassato.
Bella, bella siente sta verità:
Si nun vuò bene, che si bella a ffa!

Bella, pe te nce vo n'ommo perduto,
nun cè suspiro ca te po accattà.

Oi core, core spezzato
l'ammore già t'ha lassato.
Bella, bella siente sta verità:
Si nun vuò bene, che si bella a ffa!

Bella, bella siente sta verità:
Si nun vuò bene, che si bella a ffa!


Treme uma luz distante,
o dia está nascendo já.
Lenta a voz de um sino
vem a chamar-me.

Acorda e sofre, me diz,
não és mais feliz, padece de pressa.
Aquela que tu sonhas
não te quer bem mais.

Sol, sol não te quero ver,
chora mar, chora junto comigo.
Bela, para ti é preciso um homem perdido,
não existe suspiro que te pode comprar.

O coração, coração destroçado,
o amor já te deixou.
Bela, bela escuta esta verdade:
Se não queres bem, para o que és bonita!

Bela, para ti é preciso um homem perdido,
não existe suspiro que te pode comprar.

O coração, coração destroçado,
o amor já te deixou.
Bela, bela escuta esta verdade:
Se não queres bem, para o que és bonita!

Bela, bela escuta esta verdade:
Se não queres bem, para o que és bonita!