Musica Italiana

Macariolita

( Canta: Ernesto Bonino )
( Autores: C. A. Bixio - Cherubini - 1940 )

Original em italiano Tradução

Ha gli occhi di sirena,
il fuoco in ogni vena,
è come una catena
che t'incatena
con la passion.

Non è una princesita
neppure una pepita,
però Macariolita
vuol dir la vita,
la seduzion.

Chi lo sà perchè
chi lo sa cos'è,
oh, Macariolita,
se mi guardi tu
non resisto più
ti vorrei baciar.

Tu m'attiri a te
come può attirar
una calamita,
se ti stringo un pò
tu rispondi, no,
non mi lascio amar.

Io non so capir
tu mi fai morir
se mi guardi appena,
fai tremar il cuor
pure al toreador
che va nell'arena.

Chi lo sà perchè
chi lo sa cos'è
oh, Macariolita,
pure il toro, aimè,
ti sospira, olè,
morirò per te.

Quando la notte muore,
dal suo balcone in fiore
la strada dell'amore
con un sorriso
t'insegnerà.

Se al tango poi t'invita,
suona la guitarrita
e nella Cumparsita,
Macariolita
ti avvincerá.

Chi lo sà perchè
chi lo sa cos'è
oh, Macariolita,
se mi guardi tu
non resisto più
ti vorrei baciar.

Tu m'attiri a te
come può attirar
una calamita,
se ti stringo un pò
tu rispondi, no,
non mi lascio amar.

Io non so capir,
tu mi fai morir
se mi guardi appena,
fai tremar il cuor
pure al toreador
che va nell'arena.

Chi lo sà perchè
chi lo sa cos'è
oh, Macariolita,
pure il toro, aimè,
ti sospira, olè,
morirò per te.


Tem os olhos de sereia,
o fogo em cada veia,
é como uma corrente
que te acorrenta
com a paixão.

Não é uma princesinha
nem uma pepita,
porem Macariolita
representa a vida,
a sedução.

Quem sabe porque
quem sabe o que é,
oh, Macariolita,
se me olhas tu
não resisto mais
te queria beijar.

Tu me atrais a ti
como pode atrair
um íman,
se te abraço um pouco
tu respondes, não,
não me deixo amar.

Eu não sei entender
tu me fazes morrer
se me olhas apenas,
fazes tremer o coração
também ao toureador
que desce na arena.

Quem sabe porque
quem sabe o que é,
oh, Macariolita,
também o touro, ai de mim,
te suspira, olé,
morrerei por ti.

Quando a noite morre,
do seu balcão florido
o caminho do amor
com um sorriso
te indicará.

Se para o tango depois te convida,
toca a guitarrinha
e na Cumparsita,
Macariolita
te encantará.

Quem sabe porque
quem sabe o que é,
oh, Macariolita,
se me olhas tu
não resisto mais
te queria beijar.

Tu me atrais a ti
como pode atrair
um íman,
se te abraço um pouco
tu respondes, não,
não me deixo amar.

Eu não sei entender
tu me fazes morrer
se me olhas apenas,
fazes tremer o coração
também ao toureador
que desce na arena.

Quem sabe porque
quem sabe o que é,
oh, Macariolita,
também o touro, ai de mim,
te suspira, olé,
morrerei por ti.