Musica Italiana

Lontananza

( Canta: Luciano Tajoli )
( Autores: N. Godini - A. Natili - 1949 )

Original em italiano Tradução

Spunta il sole
e la rugiada brilla sopra i fiori.
Somiglia a quella lacrima che un di,
ora è negli occhi miei, spuntò per chi?

Per te,
che nella lontananza, piano, piano,
come una cosa morta m'hai scordato
e stai lontano.

Così lontano che tu non pensi più
a questo cuore che, come una preghiera,
sperando ancora,
a te sospira.

Ti voglio bene,
voglimi bene.
Ti voglio bene
e tu mi fai morire.

C'è la luna,
non è la stessa luna sorridente,
è triste come l'anima il mio cuor
che piange sempre di dolor. Per chi?

Per te,
che nella lontananza, piano, piano,
come una cosa morta m'hai scordato
e stai lontano.

Così lontano che tu non pensi più
a questo cuore che, come una preghiera,
sperando ancora,
a te sospira.

Ti voglio bene,
voglimi bene.
Ti voglio bene
e tu mi fai morire.

Ti voglio bene,
voglimi bene.
Ti voglio bene
e tu mi fai morire!


Desponta o sol
e o orvalho brilha sobre as flores.
Parece aquela lagrima que um dia,
agora está nos olhos meus, despontou para quem?

Por ti,
que pela distância, pouco a pouco,
como uma coisa morta me esqueceste
e estás distante.

Tão distante que tu não pensas mais
a este coração que, como uma oração,
esperando ainda,
por ti suspira.

Te quero bem,
queira-me bem.
Te quero bem
e tu me fazes morrer.

Há a lua,
não é a mesma lua sorridente,
é triste como a alma o meu coração
que chora sempre de dor. Por quem?

Por ti,
que pela distância, pouco a pouco,
como uma coisa morta me esqueceste
e estás distante.

Tão distante que tu não pensas mais
a este coração que, como uma oração,
esperando ainda,
por ti suspira.

Te quero bem,
queira-me bem.
Te quero bem
e tu me fazes morrer.

Te quero bem,
queira-me bem.
Te quero bem
e tu me fazes morrer!