Musica Italiana

La canzone del Platano

( Canta: Norma Bruni & Trio Lescano )
( Autores: Barzizza - Morbelli 1940 )

Original em italiano Tradução

Là nel parco
c'è un platano antico,
ci van gli innamorati
a dirsi i lor segreti d'amor.

Sopra il tronco
del platano amico
si vedon disegnati
due nomi circondati da un cuor.

Se il platano un dì
potesse dir cosa gli tocca udir!
Promesse d'amor, gioie e dolor,
sospiri ingannator.

Ma sul cielo
ove il platano antico
dei dolci amori è il gioco,
il solo grande amico sei tu.

Sotto il vecchio platano ritorno
e tu non sei qui con me.
Le promesse che mi hai fatto un giorno,
che cos'eran mai per te?

Là nel parco
c'è un platano antico,
ci van gli innamorati
a dirsi i lor segreti d'amor.

Sopra il tronco
del platano amico
si vedon disegnati
due nomi circondati da un cuor.

Se il platano un dì
potesse dir cosa gli tocca udir!
Promesse d'amor, gioie e dolor,
sospiri ingannator.

Ma sul cielo,
ove il platano antico
dei dolci amori è il gioco,
il solo grande amico sei tu.


Lá no parque
há um plátano antigo,
onde vão os namorados
para dizer-se seus segredos de amor.

No tronco
do plátano amigo
se veem desenhados
dois nomes cercados por um coração.

Se o plátano um dia
pudesse dizer aquilo que é forçado a ouvir!
Promessas de amor, alegrias e dores,
suspiros enganadores.

Mas no céu,
onde o plátano antigo
é o jogo dos doces amores,
o único grande amigo és tu.

Sob o velho plátano retorno
mas tu não estás aqui comigo.
As promessas que me fizeste um dia,
o que mais eram pra ti?

Lá no parque
há um plátano antigo,
onde vão os namorados
para dizer-se seus segredos de amor.

No tronco
do plátano amigo
se veem desenhados
dois nomes cercados por um coração.

Se o plátano um dia
pudesse dizer aquilo que é forçado a ouvir!
Promessas de amor, alegrias e dores,
suspiros enganadores.

Mas no céu,
onde o plátano antigo
é o jogo dos doces amores,
o único grande amigo és tu.