Musica Italiana

Guarda un p

( Canta: Alberto Rabagliati )
( Autores: Bracchi - G. D'Anzi - 1943 )

Original em italiano Traduo

Un tempo si cantavano canzoni tanto belle,
ma per, ma per,
si somigliavan tutte
e ti sembravan sempre quelle,
Io lo s, e perci,
abbasso la luna, le stelle ed il mar,
io voglio tutto cambiar.

Ma il cuore, o signori, cambiar non si pu
e ve lo prover.

Guarda un p, guarda un p
com' buffo il nostro cuor,
quando chiede un p d'amor.
Va s e gi, va gi e s,
ti par quasi di svenir,
ti fai pallido e tremante
e vivi sempre con le ansie di morir.

h, ah, cari signor,
ah, ah, questo l'amor.
Guarda un p, guarda un p
com' buffo il nostro cuor,
ride, piange e si tormenta
e come passa
si lamenta per l'amor.

h, ah, cari signor,
ah, ah, questo l'amor.
Guarda un p, guarda un p
com' buffo il nostro cuor,
vuole amar, e non vuol soffrir,
vuol baciar, e non lo sa dir,
vuol sognar, e non vuol dormir.

Chi lo sa dir!


Um tempo se cantavam musicas tanto belas,
 mas porem, mas porem,
 eram todas parecidas
 e te pareciam sempre aquelas,
 eu sei, e por isso,
 abaixo a lua, as estrelas e o mar,
 eu quero tudo mudar.

 Mas o corao, oh senhores,  mudar no se pode,
e provarei isso a vocs.
 
 Olha um pouco, olha um pouco
 como estranho o nosso corao,
 quando pede um pouco de amor.
 Vai pra cima e pra baixo, vai pra baixo e pra cima,
 te parece quase de desmaiar,
 te tornas plido e tremulo
 e vives sempre com o medo de morrer.
 
 Ah, ah, caros senhores,
 ah, ah, este o amor.
 Olha um pouco, olha um pouco
 como estranho o nosso corao,
 ri, chora e se atormenta
 e assim que passa
se queixa do amor.
 
 Ah, ah, caros senhores,
 ah, ah, este o amor.
 Olha um pouco, olha um pouco
 como estranho o nosso corao,
 quer amar, e no quer sofrer,
 quer beijar, e no o sabe dizer,
 quer sonhar, e no quer dormir.
 
 Quem o sabe dizer!