Musica Italiana

Gli occhi miei

( Canta: Wilma Goich )
( Autores: C. Donida - Mogol - 1968 )

Original em italiano Tradução

Anche se non ti parlo mai,
il mio segreto tu saprai,
un giorno o l’altro leggerai,
gli occhi miei, gli occhi miei,
gli occhi miei, gli occhi miei.

Anche se non domanderai,
il mio segreto capirai,
c’è chi mentire non può mai,
gli occhi miei, gli occhi miei,
gli occhi miei, gli occhi miei.

Dimmi perché,
ma perché, ma perché,
negli occhi miei non guardi mai,
eppure tu, io lo so, io lo so,
che un pò di bene già mi vuoi.

Dimmi perché,
ma perché, ma perché,
negli occhi miei non guardi mai,
eppure tu, io lo so, io lo so,
che un pò di bene già mi vuoi.

Anche se chiederlo non vuoi,
il mio segreto scoprirai,
c’è chi mentire non può mai,
gli occhi miei, gli occhi miei,
gli occhi miei, gli occhi miei.

Dimmi perché,
ma perché, ma perché,
negli occhi miei non guardi mai,
eppure tu, io lo so, io lo so,
che un pò di bene già mi vuoi.

Dimmi perché,
ma perché, ma perché,
negli occhi miei non guardi mai
eppure tu, io lo so, io lo so,
che un pò di bene già mi vuoi.

la la la la la la la la la la...


Também se não te falo nunca,
o meu segredo tu saberás,
um dia ou outro lerás,
os olhos meus, os olhos meus,
os olhos meus, os olhos meus.

Também se não perguntarás,
o meu segredo entenderás,
há quem mentir não pode nunca,
os olhos meus, os olhos meus,
os olhos meus, os olhos meus.

Diz-me porque,
mas porque, mas porque,
nos olhos meus não olhas nunca,
contudo tu, eu sei, eu sei,
que um pouco de bem já me queres.

Diz-me porque,
mas porque, mas porque,
nos olhos meus não olhas nunca,
contudo tu, eu sei, eu sei,
que um pouco de bem já me queres.

Também se perguntar não queres,
o meu segredo descobrirás,
há quem mentir não pode nunca,
os olhos meus, os olhos meus,
os olhos meus, os olhos meus.

Diz-me porque,
mas porque, mas porque,
nos olhos meus não olhas nunca,
contudo tu, eu sei, eu sei,
que um pouco de bem já me queres.

Diz-me porque,
mas porque, mas porque,
nos olhos meus não olhas nunca,
contudo tu, eu sei, eu sei,
que um pouco de bem já me queres.

la la la la la la la la la la...