Musica Italiana

Gente di Fiumara

( Canta: Mino Reitano )
( Autores: L. Beretta - M. Reitano - 1969 )

Com esta musica Mino Reitano pronuncia uma comovente declaração de amor para Fiumara, a sua pequena cidade natal em província de Reggio Calábria. A verdadeira chave do seu sucesso é exatamente a sua calabresidade, o seu pertencer à gente de Calábria, àquela gente humilde no relacionamento com os outros, ma grande na solidariedade e no seu pertencer étnico, àquela gente que ama viver de coisas simples, que levam dentro todo o sabor de sacrifícios e de amor. A outra sua famosa musica "Calabria mia" é uma confirmação de tudo disso.

Original em italiano Tradução

Gente,
gente di Fiumara,
torno a bere qui con voi,
amici siamo noi. Oh oh oh oh!

Nido dolce
d'acqua chiara
e che il mondo non mi dà,
io mi ritrovo quà.

Oh oh oh oh,
oh oh, oh oh!
Gente,
oh, gente mia!

Oh oh oh oh,
oh oh, oh oh!
Torno,
sulla mia via!

Gente,
gente di Fiumara,
quanti mi davano del tu
e non ci sono più. Oh oh oh oh!

Certo,
la vita è troppo amara
e la mia felicità
si paga in verità. Oh oh oh oh!

Bevo ai vent'anni,
bevo all'amor
e alla ragazza
che prese il mio cuor.

Tre case bianche,
un prato in fior,
il primo bacio,
il primo dolor.

Oh oh oh oh,
oh oh, oh oh!
Gente,
oh, gente mia!

Oh oh oh oh,
oh oh, oh oh!
Torno,
sulla mia via!

Oh oh oh oh,
oh oh, oh oh!
Torno,
sulla mia via!


Gente,
gente de Fiumara,
volto a beber aqui com vocês,
amigos somos nós. Oh oh oh oh!

Ninho doce
de água clara
e que o mundo não me dá,
eu me reencontro aqui.

Oh oh oh oh,
oh oh, oh oh!
Gente,
oh, gente minha!

Oh oh oh oh,
oh oh, oh oh!
Volto,
na minha estrada!

Gente,
gente de Fiumara,
quantos me tratavam por tu
e não estão mais aqui. Oh oh oh oh!

Certo,
a vida è demais amarga
e a minha felicidade
se paga na verdade. Oh oh oh oh!

Bebo aos vinte anos,
bebo ao amor
e para a garota
que pegou meu coração.

Três casas brancas,
um prato florido,
o primeiro beijo,
a primeira dor.

Oh oh oh oh,
oh oh, oh oh!
Gente,
oh, gente minha!

Oh oh oh oh,
oh oh, oh oh!
Volto,
na minha estrada!

Oh oh oh oh,
oh oh, oh oh!
Volto,
na minha estrada!