Musica Italiana

Eternità

( Cantam: I Camaleonti )
( Autores: G. Bigazzi - C. Cavallaro - 1970 )

Original em italiano Tradução

Stare qui
ha il sapore dell’eternità.
Dopo aver amato te
io ti guardo mentre dormi accanto a me.

Non ti sveglierò, oh no, no, no,
perché tu sorridi.
Un bel sogno forse ora c’è
dietro le ciglia chiuse.

Eternità,
spalanca le tue braccia,
io sono qua
accanto alla felicità che dorme.

Per lei vivrò
e quando avrà bisogno
io ci sarò
ad asciugare le sue lacrime.

Resta qui,
primo fiore dell’eternità.
Dopo aver amato te
sul soffitto passa un angelo per me.

Non ti sveglierò, oh no, no, no,
perché tu sorridi.
Un bel sogno forse ora c’è
dietro le ciglia chiuse.

Eternità,
spalanca le tue braccia,
io sono qua
accanto alla felicità che dorme.

Per lei vivrò
e quando avrà bisogno
io ci sarò
ad asciugare le sue lacrime.

Eternità,
spalanca le tue braccia,
io sono qua
ad asciugare le sue lacrime.


Estar aqui
tem o sabor da eternidade.
Depois de ter-te amado
eu te olho enquanto dormes perto de mim.

Não te acordarei, oh não, não, não,
porque tu sorris.
Um belo sonho talvez agora está
atrás das celhas fechadas.

Eternidade,
abra seus braços,
eu estou aqui
ao lado da felicidade que dorme.

Para ela viverei
e quando ela precisará
eu aí estarei
a secar suas lagrimas.

Fica aqui,
primeira flor da eternidade.
Depois de ter-te amado
no teto passa um anjo para mim.

Não te acordarei, oh não, não, não,
porque tu sorris.
Um belo sonho talvez agora está
atrás das celhas fechadas.

Eternidade,
abra seus braços,
eu estou aqui
ao lado da felicidade que dorme.

Para ela viverei
e quando ela precisará
eu aí estarei
a secar suas lagrimas.

Eternidade,
abra seus braços,
eu estou aqui
a secar suas lagrimas.