Musica Italiana

Ciliegi rosa

( Canta: Nilla Pizzi )
( Autores: J. Larue - Louiguy - Leonardi - 1951 )
( Titulo original: Cerisier rose et Pommier Blanc )

Versão italiana Tradução

Ciliegi rosa a primavera
come le labbra del mio amor,
i baci della prima sera
ricordo ancor.

Innamorata l'aspettavo
accarezzando i rami in fior,
poi dolcemente lo stringevo
qui sul mio cuor.

Sotto i ciliegi quel dì
abbiam giurato così
d'amarci ancora di più
e non lasciarci mai più.

Quella promessa d'amor
con il profumo dei fior
ci fece tanto sognare
e sospirar.

Ciliegi rosa e bianchi veli,
fu l'armonia del nostro amor.
La più felice primavera
dei nostri cuor.

No, no, non si può scordare
ciò che nella vita è stato amore.
No, no, non si può mentire
quando il cuore sa di non mentire mai.

Sotto i ciliegi quel dì
abbiam giurato così
d'amarci ancora di più
e non lasciarci mai più.

Quella promessa d'amor
con il profumo dei fior
ci fece tanto sognare
e sospirar.

Ciliegi rosa e bianchi veli,
fu l'armonia del nostro amor.
La più felice primavera
dei nostri cuor.

Ciliegi rosa tutti in fiore,
l'estate il frutto vi darà.
Sarà cosi del nostro amore?
Chissà, chissà!


Cerejeiras rosa em primavera
como os lábios do meu amor,
os beijos da primeira noite
relembro ainda.

Apaixonada o esperava
cariciando os galhos floridos,
depois docemente o apertava
aqui no meu coração.

Sob as cerejeiras naquele dia
juramos assim
de amarmos-nos ainda mais
e não deixarmos-nos nunca mais.

Aquela promessa de amor
com o perfume das flores
nos fez tanto sonhar
e suspirar.

Cerejeiras rosa e brancos véus,
foi a harmonia do nosso amor.
A mais feliz primavera
dos nossos corações.

Não, não, não se pode esquecer
aquilo que na vida foi amor.
Não, não, não se pode mentir
quando o coração sabe de não mentir nunca.

Sob as cerejeiras naquele dia
juramos assim
de amarmos-nos ainda mais
e não deixarmos-nos nunca mais.

Aquela promessa de amor
com o perfume das flores
nos fez tanto sonhar
e suspirar.

Cerejeiras rosa e brancos véus,
foi a harmonia do nosso amor.
A mais feliz primavera
dos nossos corações.

Cerejeiras rosa todas floridas,
o verão o fruto vos dará.
Será assim do nosso amor?
Quiçá, quiçá!