Musica Italiana

Amor mio

( Canta: Mina )
( Autores: Mogol - L. Battisti - 1971 )

Original em italiano Tradução

Tu, amor mio,
chi ti ha amato in questo mondo, sono io.
Io, invece io
sono stata troppo amata.

Ma noi due, amor mio,
che siam poco, insieme siamo un pò di più.
Tu, tu sei tu
più qualcosa che ti arriva da lassù.

Amor mio (amor mio), amor mio (amor mio),
per amico c'è rimasto solo Dio.
Ma Lui lo sa e sorride,
Lui ci guarda e sorride.

Amor mio (amor mio), basto io (basto io),
grandi braccia e grandi mani avrò per te.
Stretto al mio seno freddo non avrai,
no, tu non tremerai, non tremerai.

Amor mio, basto io,
na na na na na na na na na na na.
No tu non tremerai
al riparo del mio amore.

Guarda sul mare il gabbiano leggero che va,
vola felice e sereno, paura non ha.
Guarda quel bimbo che corre, guardagli il viso,
tanto felice che sembra sia già in paradiso.

Amore, adesso tu ridi, il fuoco si è acceso.

Amor mio (amor mio), basto io (basto io),
grandi braccia e grandi mani avrò per te.
Stretto al mio seno freddo non avrai,
no, tu non tremerai, non tremerai.

Amor mio, basto io,
grandi braccia e grandi mani avrò per te.....

Sem propaganda
Com propaganda




Tu, amor meu,
 quem te amou neste mundo, sou eu.
 Eu, ao contrario eu
 foi amada demais.
 
 Mas nós dois, amor meu,
 que somos pouco, juntos somos um pouco mais.
 Tu, tu és tu
 mais alguma coisa que chega a ti de lá de cima.
 
 Amor meu (amor meu), amor meu (amor meu),
 por amigo nos sobrou somente Deus.
 Ma Ele sabe e sorri,
 Ele olha pra nós e sorri.
 
 Amor meu (amor meu), amor meu (basto eu),
 grandes braços e grandes mãos terei por ti.
 Apertado no meu seio frio não terás,
 não, tu não tremarás, não tremarás.
 
 Amor meu, basto eu,
 na na na na na na na na na na na.
 Não tu não tremarás
 protegido pelo meu amor.
 
 Olha sobre o mar a gaivota ligeira que vai,
 voa feliz e serena, medo não tem.
 Olha aquele menino que corre, olha o seu rosto,
 tão feliz que parece estar já no Paraíso.
 
 Amor, agora tu ri, o fogo é aceso.
 
 Amor meu (amor meu), basto eu (basto eu),
 grandes braços e grandes mãos terei por ti.
 Apertado no meu seio frio não terás,
 não, tu não tremarás, não tremarás.
 
 Amor meu, basto eu,
 grandes braços e grandes mãos terei por ti......